Editado por Alice Gonçalves . Tecnologia do Blogger.

#Resenha do Livro: Perdida - Carina Rissi

by - março 12, 2012

Oi oi, meus amores!

Sejam bem-vindas ThaísÁgatha e Amanda! Espero que vocês se divirtam aqui e encontrem o que precisam! 

Mas, o post de hoje é mais uma resenha! YAY! Eu li Perdida há uns dias, é verdade, mas não tive muito tempo para preparar a resenha, e só consegui fazê-la hoje! Me perdoem, ok? '-'

Título: Perdida
Autora: Carina Rissi
Editora: Baraúna
Páginas: 472
Gênero: Romance


Sofia é uma típica garota do século XXI. Não vive sem a tecnologia e sem seus romances preferidos. Mas sua vida drasticamente, quando, por acidente, deixa cair seu celular no vaso sanitário. Por conta disso, tem que ir atrás de um novo aparelho e acaba encontrando uma atendente muito esquisita, que lhe vende, por um preço baixíssimo, um novo aparelho que, aparentemente, tem tudo o que Sofia precisa. Animada, antes mesmo de chegar em casa, resolve testar o novo celular, e aí que sua vida muda completamente. Ela se vê num ambiente antigo, sem prédios, sem banheiros e onde meninas não devem mostrar as pernas. Ela está em 1830. Loucura ou não, ela acaba sendo ajudada por Ian, um cara todo cavalheiro, que a leva até sua fazenda para se recuperar, pois ele acha que Sofia bateu a cabeça e está dizendo coisas sem sentido. Sofia rapidamente pega o ritmo da família, tentando se contentar com o que há nesse mundo; sem eletricidade, onde uma viagem pode durar horas e onde mulheres não frequentam faculdade. Dias após sua chegada, ela descobre que um cara foi assaltado, e ela acha que ele pode ajudá-la a voltar para os dias de hoje; porém, isso não passa de um pensamento muito mal interpretado. Sofia, cada vez mais apaixonada por Ian, se vê sem saída. Não quer ir embora dali, mas ao mesmo tempo, precisa voltar para sua vida. Quando consegue voltar para os dias atuais, sofre pela perda de Ian, e quer desesperadamente encontrar a moça que lhe vendeu o aparelho “mágico”, para que ela conserte as coisas e veja que o lugar de Sofia é ao lado de Ian.

Esperei uns seis meses para ler este livro. Procurei-o incessantemente pelas livrarias e uma amiga até tentou me dar de Natal. Então, depois de tanta expectativa, esperava que o livro fosse maravilhoso. E ele é, embora eu tenha me irritado em várias partes. O engraçado é que a autora é brasileira, coisa que só fui descobrir quando comecei a lê-lo. A história é bem clichê; a menina que não acredita no amor e que conhece um cara por quem se apaixona e não “consegue viver sem”. Achei interessante a autora ter abordado o tema dos “buracos de minhoca”, ainda que eu não acredite nisso. Analisando amplamente o livro, considerei Sofia uma personagem fraca e boba. Ela tem vinte e poucos anos, mas age como se tivesse quinze. Ian, por outro lado, é galante e um homem correto; ele é o típico personagem masculino que encanta as meninas. Não sou fã de personagens perfeitos. Não gosto de pessoas perfeitas. O livro é bem escrito, o que é um ponto positivo em toda a minha irritação para com ele. Se o enredo não fosse tão bobo e clichê, eu teria aproveitado bem mais, teria apreciado de verdade os personagens.

O que vocês acharam do meu parecer? Gostaram? Ficaram a fim de ler o livro? Alguém já leu e tem outra opinião? COMPARTILHEM COMIGO! Comentem :)

Com todo coração, 
Nina.

You May Also Like

2 comentários

  1. Sério que você achou isso do livro? Minhas expectativas foram lá no chão agora. :/ Esperava tão mais dele!

    Um beijo,
    Luara - Estante Vertical

    ResponderExcluir
  2. Que pena que você achou isso! ):
    Não estou com muita vontade de ler o livro.
    Beijos.

    ResponderExcluir

Olá, obrigada pelo comentário, mas, para evitar passar vergonha na internet, por favor, não seja machista, LGBTQAfóbico(a), ou racista. O mundo agradece :)

Qualquer preconceito exposto está sujeito à remoção.



INSTAGRAM