Editado por Alice Gonçalves . Tecnologia do Blogger.

#Cinco estações

by - março 08, 2014

Hoje, sou cinco estações.

Começo Inverno; uma tempestade fria, trazendo alguma tristeza. Aos poucos, a Primavera dá as caras; eu tendo a me animar se a solidão já está longe. Apesar de ela ser a minha sombra, uma sombra que aprendi a aceitar a a conviver pacificamente, agora ela me deixa para o Outono, a típica melancolia, se fazer presente. Sinto que a solidão e a melancolia andam de mãos dadas, são velhas conhecidas da minha vida. Com a simples aparição de uma ilusão longínqua, talvez seja a satisfação pelo dia estar se tornando noite, eu me transmuto: sou Verão, colorida e bem-humorada. 
Não há mais pedaços pelo caminho. 
Entretanto, quando me perco, acontece uma fusão. 
Sou a quinta estação. 

Sou; não estou. 

É ela que me define. Estou Inverno, Primavera, Outono e Verão. Mas sou a quinta: Inconstante. 
A inconstância é a minha mais duradoura estação. 
Sou filha de todas elas: tão inconstante quanto incerta e incompreendida. 
Sou toda "In". 
Sou para dentro. 
Introspectiva. 
Introvertida. 
Incompetente, por vezes. 
Insatisfeita, muitas vezes. 

Hoje, sou cinco estações. 
Quais são as suas?


Love
Nina 

You May Also Like

3 comentários

  1. Nossaaaaaaaaaaaaaa!! Que texto absurdamente lindo! Você escreve muito bem.
    Vejamos, isso é algo bem relativo, a estação que me define vai depender o humor do meu dia.
    Por horas forte e fria como o inverno, em outras quente e louca como o verão, ou quem sabe até delicada como a primavera.

    Seu texto foi lindo.
    Parabéns!!

    Ann,
    http://cookierobsten.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Que perfeição Nina, amei demais.
    To vendo que dificilmente não terá uma indicação de um texto seu lá no blog.

    http://essameninamoca.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Não consigo me definir em uma só estação, sou inconstante, como você. Acho que por enquanto sou Outono, não definitivamente triste, mas sim, sem animação, como o céu cinza e nublado que não tem aparecido aqui no Rio. Eu prefiro me definir como um arco-íris. Cada cor, uma emoção.
    Ameeeei esse texto!
    Beijos com chá!

    ResponderExcluir

Olá, obrigada pelo comentário, mas, para evitar passar vergonha na internet, por favor, não seja LGBTQfóbico(a), racista ou machista. O mundo agradece :)
Qualquer preconceito exposto está sujeito à remoção.

Torne o mundo um lugar melhor: não seja babaca :)



INSTAGRAM