Playlist: Grace VanderWaal & Lucy Rose

abril 04, 2018

A seção playlist não acontece (desse jeito) há muito tempo e eu estava com muita saudade! 

Apesar de eu ser do tipo que ouve a mesma banda por quatro meses seguidos, eu também sou do tipo que quero conhecer novos artistas. Eu ouço e sigo bem mais mulheres e, por isso, geralmente, acabo descobrindo mais mulheres artistas do que homens (aliás, fiquei triste por perceber que o Lollapalooza desse ano foi quase que exclusivamente masculino). 

Nesse post vou apresentar duas artistas com estilos bem diferentes e que, mesmo assim, conquistaram meus ouvidos.



A carinha de bebê é verídica. A Grace só tem 14 anos, mas, se você a ouvir, dificilmente dirá que ela é tão novinha. O estilo musical dela é bastante pop e, apesar de eu não ouvir esse gênero com muita frequência, gostei demais das canções. A voz dela, diferentemente da maioria das garotas brancas do pop, é rouca e mais suave. 

Eu a conheci totalmente por acaso, no Twitter, quando alguém recomendou Talk Good e a relacionou com a ansiedade. Eu não assisto nenhum programa de revelação artística, então não sabia que ela venceu a temporada 11 de America's Got Talent, em 2016. Talk Good tem um ritmo mais calmo, mas a letra é fantástica (vale a pena dar uma olhada). So much more than this, City Song, Escape my mindMoonlightSick of being told e Florets são mais animada e ficam bastante na cabeça. 

A better life é mais introspectiva e tem uma mensagem muito positiva. Darkness keeps chasing me tem um estilo mais romântico. Insane Sometimes mescla a tranquilidade com partes mais aceleradas. I don't know my name é calminha e o ritmo do ukelele é bem legal. 

Ultimamente, eu tenho preferido canções mais pra cima, então, as mais aceleradas dela são as minhas preferidas. Ela tem um EP (Perfectly Imperfect) e um álbum (Just the Beginning). O novo single (lançado há cinco dias) é Clearly.

Recomendo a Grace se você gosta de música pop mais original.



Eu não lembro como conheci a Lucy, provavelmente foi nas minhas andanças pelo Youtube, porque tenho o costume de deixar as playlists no automático. A princípio ela pode parecer apenas mais uma Gabrielle Aplin, mas eu sinto uma originalidade criativa diferente nela, sem falar que ela é muito presente nas redes sociais e mais aberta, também. Não é aquele tipo de artista que quer passar certa imagem para cativar certo público, dá pra ver que tudo é cem por cento real, mas  sempre misturado a uma simplicidade que se afasta bastante do mundo musical atual. 

O estilo dela entra tanto no indie folk quanto no folk rock (meus gêneros preferidos do universo inteiro) e a voz dela é muito suave, talvez até meio comum, mas muito lírica. Muitas canções tendem ao romantismo e, apesar de esse não ser o meu mood atual, eu as acho muito lindinhas e muito ritmadas pra relaxar. É um ritmo bonito e suave, mas sem soar sofrido (melhor coisa!). A primeira canção que escutei dela foi No good at all. Canções mais calmas: Shiver, Is this called homeEnd up here e For you

All that fear, Our EyesMy life, Red face, I tried, Second chanceTill the end, PlaceScarShe'll move são aceleradas de modos diferentes, mas cada uma tem uma peculiaridade que te faz amar demais.  

A Lucy começou a carreira oficialmente há oito anos, então, existem muito mais músicas do que essas que listei e eu recomendo cada uma delas. Todas me tocam de um jeito maravilhoso e eu poderia passar as 24 horas do dia escutando a voz dessa moça  A minha preferida (até agora) é Like an arrow, porque tá impossível de tirá-la da cabeça ;)

Ah! Uma pena que a descobri só agora, porque no ano passado ela fez uma "turnê-mochilão" pela América Latina financiada pelos próprios fãs e de forma totalmente gratuita (!!!) A turnê se transformou num documentário.

~

Eu espero que vocês realmente tirem um tempo para ouvir essas duas artistas maravilindas 

Love, Nina :)

20 comentários:

  1. Adorei a playlist .. também costumava ter um padrão fixo de músicas que ouço.. mas o tempo passa, vem novidades e principalmente a influência dos meus filhos.. hoje me pego escutando coisas que antes eu não escutaria.
    Engraçado como a vida muda!
    Beijos e vou dar uma olhada nessas artistas sim!

    www.alempaginas.com

    ResponderExcluir
  2. Oi Nina, eu não sou muito de ouvir músicas, então, quando ouço, são sempre as mesmas, pois nunca sei das novidades. Vou procurar essas que tu sugeriu e tentar mudar meu repertório. Adorei o post.
    Bjos
    Vivi
    http://duaslivreiras.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Oiii Nina

    Que legal essa turnê mochilão que ela fez pela América Latina! Não conehcia a Grace, vou procurar saber mais sobre ela, adorei a dica.

    Beijos

    www.derepentenoultimolivro.com

    ResponderExcluir
  4. Olá!
    Nunca tinha ouvido falar sobre essas artistas, mas achei interessante, ambas parecem bem novas mesmo. Pelo o que notei, o estilo musical delas não é muito parecido com o meu, então passo a dica, mas achei bem legal.
    Abraços

    ResponderExcluir
  5. Oii tudo bem ?
    Ainda não conhecia elas confesso q n conhecia sempre que escuto música e sempre o mesmo faz anos mais irei conhecer melhor elas pra ver se gosto.

    Bjss

    ResponderExcluir
  6. Olá!! :)

    Eu confesso que raramente ouço musico, muito menos esse estilo.. Mas gostei de conferir essa playlist! :)

    Ainda bem que partilhaste! Vou procurar conhecer mais, quem sabe me interesso! :P

    Boas leituras!! ;)
    no-conforto-dos-livros.webnode.com

    ResponderExcluir
  7. Olá!
    Eu de nome assim acho que não conheço, vou salvar o post e depois com calma ouvir e volto pra dar minha opinião. Bjs

    ResponderExcluir
  8. Elas estão na minha playlist. AMO a Grace e sou apaixonada pela voz <3

    Sai da Minha Lente

    ResponderExcluir
  9. Olá, tudo bem?
    Eu não tenho uma playlist fixa, tenho várias, uma para cada humor...kk
    Esse mês não estou ouvindo muitas musicas das minhas playlists, e sim descobrindo musicas novas através das indicações de amigos.
    Vou conferir cada uma delas agora.

    Beijos e abraços
    http://vickyalmeida.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  10. Oi Nina! Achei bacana sua dica e até fui correndo conferir as músicas de ambas, não sei se foi meu estado de espírito hoje mas não me identifiquei muito com as músicas, fiquei me sentindo um pouco pra baixo com algumas. Mas enfim... Vou tentar escuta-las em outros momentos, porque o som é bom. Beijos

    Nara Dias
    Viagens de Papel

    ResponderExcluir
  11. Oie!
    Eu amo conhecer novas cantaras, bandas, sempre faço questão de procurar todas as dicas no Youtube Hahaha
    Ainda não conhecia as que você mencionou, mas já vou pesquisar, sou muito fã do estilo indie folk <3

    Beijos,
    Eli - Blog Leitura Entre Amigas
    http://www.leituraentreamigas.com.br/

    ResponderExcluir
  12. Olá, tudo bem? Sempre é bom ter indicações de cantores/bandas, mas confesso que no momento vou passar a dica. As músicas que geralmente gosto transitam no âmbito do rock e suas subdivisões, e realmente nenhuma das duas se encaixam aqui. Com certeza quem curte estes estilos deve aproveitar maiormente a dica! Traga mais desse quadro (;
    Beijos,
    http://diariasleituras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  13. Eu ouço a mesma banda seguida a vida toda rsrs, é muito raro quando me interesso por algum artista novo, acho que a última que me conquistou foi Ana Vitória. Fiquei bem curiosa com a mocinha Grace e vou ouvir só por curiosidade, vi que eu gosto.

    Abraços.
    https://cabinedeleitura0.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  14. Eu sou muito chata com músicas, geralmente passo longe das músicas atuais, mas fico feliz cada vez que descubro algo atual que me agrade. Eu não conhecia nenhuma das duas, mas curti muito as dicas.

    ResponderExcluir
  15. Olá!
    Eu sou adepta a conhecer novas bandas ou cantores, se a música me chamar atenção e eu curtir ja ta valendo.
    Mas também tenho minhas preferências e estou sempre ouvindo no Spotify.
    Não conhecia essas cantoras mas vou escuta-las.
    Obrigada pela dica.
    Beijos!

    Camila de Moraes.

    ResponderExcluir
  16. Oi Nina, tudo bem?
    Amei sua playlist! Não conhecia nenhuma das duas e amei conhecer. Já adicionei na minha lista do youtube e quero conhecer mais destas duas cantoras. Que vozes maravilhosas elas tem e quanto escrevo, estou ouvindo Lucy Rose - End Up Here!
    Adorei a dica!
    http://colecionandoromances.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  17. Oi, bacana as músicas selecionadas. Eu nunca tinha ouvido falar de nenhuma das duas, já que não sou muito musical e não ouço tanto os internacionais.

    ResponderExcluir
  18. Olá!
    Não conhecia nenhuma das duas cantoras, é sempre bom conhecer novas musicas e novos estilos, eu ando tão sem paciência para novas músicas, que acaba sempre escutando as antigas. mas irei conferir algumas músicas das meninas!

    beijos!

    ResponderExcluir
  19. Oi, Nina ^^
    Música é o pano de fundo de nossas vidas. Se pararmos para prestar bem atenção tem sempre alguma música que marca uma fase em que vivemos seja negativa ou positiva, eles são os nossos cobertores e fogos de artifício.
    Conheci o som da Grace meses atrás pelo YT vendo o video viral dela no American Got e só posso dizer que minha felicidade é eterna por ela ter ganho o programa e já ter reconhecido em tão pouca idade. 💙
    Lucy ai eu já não conhecia mas como é sempre bom ter um repertório novo já vou correr ver algum videoclipe dela e ver como é a voz. Estou no processo de escolha da playlist que irá compor o pano de fundo do meu livro no NaNoWriMo 2018.
    Muito obrigado por esse post, Nina. E que volte a tê-lo por aqui. É sempre bom conhecer novos artistas. ^^
    Abraços.

    ResponderExcluir
  20. Oi Nina!!
    Adorei seu post e a sua playlist. Não tenho spotify porque não tenho dinheiro (e tmb não sei como funciona haha) mas adoro ver a playlist das pessoas e o que elas significam pra elas... Não conhecia a artista mas você fala dela de um jeito que me transmitiu uma paz... Fiquei mega curiosa pra conhecer o trabalho dela ^^

    Xoxo
    Abby
    Blog Linhas Tortas

    ResponderExcluir

Olá, obrigada pelo comentário, mas, para evitar passar vergonha na internet, por favor, não seja machista, LGBTQAfóbico(a), ou racista. O mundo agradece :)

Qualquer preconceito exposto está sujeito à remoção.

Editado por Alice Gonçalves . Tecnologia do Blogger.