9 coisas para 2019

janeiro 05, 2019
Eu quase nunca faço metas anuais, mas dessa vez eu fiquei com vontade. Me inspirei no post "7 coisas para fazer antes de 2019", da Maki, do blog Desancorando. 



Usar mais shorts
Eu sempre fui muito magra e até hoje sou, então muitas vezes tenho vergonha da minha magreza. Isso reflete, por exemplo, no fato de eu usar muito pouco shorts, por achar minhas pernas perninhas de flamingo, mas quero demais começar a mudar isso. Tenho aprendido cada vez mais sobre pertencer a si mesma e que isso é um processo, e espero que neste ano eu possa estar cada vez mais perto do amor que mereço de mim mesma. 

Não ter tanto medo de desagradar os outros
Todos os dias a minha ansiedade me diz que vou desapontar os outros e isso afeta todas as áreas da minha vida. Neste ano, eu quero começar a falar mais não's quando quero dizê-los. Essa é uma palavra que não consigo dizer com muita frequência para situações em que eu sei que o outro não conhece os meus limites. Isso significa que muitas vezes eu não imponho os meus limites. 

Trabalhar pelo menos meia hora nos meus projetos
Eu tenho enorme dificuldade em estabelecer uma rotina organizada quando ela precisa partir estritamente de mim, o que significa que muitos projetos acabam desandando, pois costumo desacelerar em botar a mão na massa. Como o meu trabalho de autora depende muito de uma rotina, quero colocar isso em ordem pra já. No livro "333 páginas para tirar o seu projeto do papel", é dito que você precisa/deve trabalhar pelo menos 10 minutos por dia no seu projeto. Eu estou acostumada com 30 minutos e vou tentar continuar com essa rotina, agora diariamente. 

Não ter medo de quem eu sou 
A Alice Weg postou esses dias um texto no qual escreveu exatamente isso: "não tenha medo de quem você é". Eu acho que tô precisando lembrar disso com mais frequência. Espero que esse lema se torne mais recorrente neste ano. 

Ir embora quando precisar
Eu costumo me adaptar bem a qualquer tipo de ambiente, o que às vezes é bem maléfico para a minha saúde mental. Não consigo abdicar das coisas mesmo quando doem, mas espero que neste 2019 eu consiga ir embora quando sei que devo. 

Não me magoar quando não sou entendida
Esses dias o The Artidote postou uma legenda que me bateu na hora: "Self care is also not arguing with people who are committed to misunderstanding you" (selfcare é também não argumentar com pessoas que estão comprometidas a não entender você). A gente quer muito ser aceita, amada e entendida pelo outro sem entender que o outro não precisa fazer isso. E cada vez que a gente quer convencer o outro que nos entenda é meio como usar nossas forças em vão. Que tal se juntar aos seus? É isso que pretendo fazer neste ano. 

Me divulgar mais como autora
Sou autora já há algum tempo e tenho uma página para divulgar meu trabalho, mas sinto que fico ilhada demais. Em 2019, quero me divulgar como artista em tudo que é canto. Para isso, quero dizer mais que produzo arte. Já entendi que ficar ilhada não é a melhor tática para que meu trabalho chegue a outras pessoas. Comecei a fazer isso no meu instagram, transformando-o para uma conta comercial e pretendo divulgar minhas histórias cada vez mais. 

Finalizar meu novo projeto
Em 2017, publiquei meu primeiro romance e passei bastante tempo sem saber o que produzir em seguida. No final de 2018, a história certa me encontrou e estou no processo de escrevê-la. A meta desse ano é finalizar essa história e concorrer a prêmios ou partir para uma publicação tradicional.

Voltar a fazer uma lista de leitura
Faz muitos anos que não controlo as minhas leituras anuais, de modo que nem sei dizer quantos livros li durante 2018, por exemplo. Como acho legal manter esse cuidado, até pra poder lembrar melhor sobre os livros, quero voltar a escrever cada um dos livros lidos. 


~

Quais as suas metas para 2019?

Love, Nina :)

10 comentários:

  1. Hey.
    Também sou magra, por conta da deficiência, e tenho vergonha de mostrar as pernas e ombros por aí. Uso apenas calças e roupas com manga, o que às vezes vira monótono até mesmo para mim porque até encontro vestidos e shorts bonitos e fofos por aí. Quero me amar mais, me aceitar e expor o corpo que tenho sem nenhum medo de ser olhada pela magreza haha. Espero que você também consiga szszsz.
    Uma vez vi um texto sobre não querer ir embora e ficar insistindo em ficar em lugares e pessoas. É totalmente comodo ficar naquele ambiente, mas tem horas que devemos dar o pé e ir para onde realmente nos faz bem.

    As listas de leituras são bem legais porque nos ajuda a organizar tudo e até mesmo ter uma visão melhor de como estamos indo. Não precisa haver cobrança.

    As minhas metas para esse ano também tem a ver com reconhecimento e aceitação.

    Cupcakeland

    ResponderExcluir
  2. Oi, Nine!
    Eu acho que listas assim são até saudáveis, meu problema é o nível de frustração que eu posso sentir em não cumprir uma dessas metas (acho que isso poderia também ser transformado em meta, né?).
    Boa sorte com suas listas!
    bjs
    Lucy - Por essas páginas

    ResponderExcluir
  3. Olá, tudo bem? Ahhh, que maravilhosas essas tuas "metas" para 2019, espero que tu consiga cumprir todas! Fiquei feliz por ver que tem várias delas que são para que você se sinta melhor consigo mesma, isso é muito importante.

    Beijos,
    Duas Livreiras

    ResponderExcluir
  4. Olá!
    Adorei suas metas para 2019. São coisas simples de fazer aos olhos dos outros, mas para nós seguir a risca as metas as vezes é uma grande tarefa.
    Espero que consiga realizá-las principalmente ter inspiração para colocar suas ideias no papel.
    Beijos!

    Camila de Moraes

    ResponderExcluir
  5. Oi NIna!
    É um bom começo suas metas, isso mesmo ter uma alta estima sobre você mesma, e de seu corpo, também faz bem a mente e ao coração, é difícil deixar algumas rotinas, mas está certíssima em seguir em frente, estou torcendo pra conseguir, bjs!

    ResponderExcluir
  6. OLá!! :)

    Ainda bem que trouxeste as tuas decisoes para 2019! Espero que essas metas se concretizem, e que tenhas um otimo ano!

    Enfim, tambem quero aplicar a de dedicar mias tempo aos meus projetos!

    Boas leituras!! ;)
    no-conforto-dos-livros.webnode.com

    ResponderExcluir
  7. Olá! Em relação a leitura não fiz metas para esse ano, acredito que me dou melhor sem pressão hahaha, tenho um projeto (pessoal) de começar a fazer meditação para tentar diminuir o estresse

    ResponderExcluir
  8. Adorei seu texto! Acho muito importante nos aceitarmos exatamente do jeitinho que somos. E muitas vezes colocamos neuras na nossa cabeça que nem existem, né? Tipo não usar tal coisa por ser julgada. E, mesmo que seja algo que as pessoas olhem/falem, na real não vai mudar nossa vida. Espero que tenha um ótimo 2019! ♥

    ResponderExcluir
  9. Oi Nina, como está?
    Achei as tuas nove coisas para 2019 muito boas! As minhas são: arrumar um emprego, terminar os meus livros pendentes e escrever contos novos, além de reeditar uns antigos! Sem contar a expansão do meu universo literário e tentar registrar o meu próprio domínio online.
    Abraços e beijos, Lady Trotsky...
    http://osvampirosportenhos.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sem esquecer de ler pelo menos tudo o que tem na minha estante, kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk.

      Excluir

Olá, obrigada pelo comentário, mas, para evitar passar vergonha na internet, por favor, não seja machista, LGBTQAfóbico(a), ou racista. O mundo agradece :)

Qualquer preconceito exposto está sujeito à remoção.

Editado por Alice Gonçalves . Tecnologia do Blogger.